Anuncie Aqui

Estudos e pesquisas

AGRICULTURA FAMILIAR ENFRENTA AINDA MUITOS PROBLEMAS NO BRASIL, DIZEM PESQUISADORES

Dois doutores em economia examinaram a execução do PRONAF e constataram que o programa ainda apresenta muitos gargalos, desde a burocracia até concentração dos recursos em determinadas categorias

Leia
 
FRUTA TEMPERADA NO SERTÃO NORDESTINO

plantio-macaAinda falta um pouco para virar realidade, o que muitos encaram com ceticismo e ironia: a produção de maçãs, peras e pêssegos em plena caatinga, tal como aconteceu com uva e morango no passado

Por Ribamar Mesquita, para a Agência Prodetec

O pesquisador Paulo Roberto Coelho Lopes, da Embrapa Semiárido, costuma lembrar a surpresa e ceticismo de colegas ao falar de suas experiências com frutas de clima temperado em plena caatinga. Quando apresenta as fotos das maçãs colhidas em Petrolina, a 640 km do Recife e 3.000 km do Rio Grande do Sul, a reação, invariavelmente é de incredulidade ou ironia.

Leia
 
Tecnologia incrementa cultura do caju no estado de Alagoas

Clones do cajueiro anão precoce, criado a partir da melhoria genética da variedade. estão sendo replicados no interior com sucesso

Alba Cristina, de Maceió, especial para Agência Prodetec  18/11/2009 

Com menos de seis meses de plantados, os cajueiros de um projeto em Olho D’Água das Flores (AL) já estão pondo frutos de qualidade. No cultivo comum da planta, é preciso esperar até três anos pela produção de castanhas e cajus. O diferencial desse empreendimento, que tem o apoio do Banco do Nordeste, Prefeitura Municipal, Secretaria Estadual de Agricultura (Seagri) e Embrapa, é a utilização da tecnologia de melhoramento genético, que permitiu a criação do cajueiro anão precoce, cujos clones estão sendo replicados no município, mais precisamente no povoado de Areias.

Leia
 
Vazamento de recursos no Nordeste reforça mais quadro de desequilíbrio

O déficit nos fluxos comerciais dos estados nordestinos entrava o desenvolvimento, amplia sua dependência e requer reforço

na destinação de recursos federais para a Região 

por Ribamar Mesquita

Fortaleza (Agência Prodetec) – A soma dos fluxos comerciais de bens intermediários e finais do Nordeste com o restante do País é bastante desfavorável à região. Totaliza um déficit de quase R$ 35 bilhões, que decresce para R$ 23,5 bilhões quando descontado o superávit de R$ 11,3 bilhões obtido com o comércio exterior.

Leia
 
Desigualdade espacial do Ceará: ruptura requer criação de política compensatória

por Ribamar Mesquita

Fortaleza (Agência Prodetec) – As regiões metropolitanas cada vez mais centralizam a economia dos estados, causando desigualdades difíceis de superar. O adensamento de fatores como mão de obra qualificada, infra-estrutura material e social, rede de fornecedores e clientes atrai as atividades produtivas dinâmicas em detrimento dos espaços periféricos.

Leia
 
<< Início < Anterior 21 22 23 24 25 26 Próximo > Fim >>

Página 26 de 26

A agência Prodetec é uma ferramenta voltada para divulgar artigos, estudos e pesquisas
sobre assuntos relacionados com o Nordeste

Imagine Comunicação Digital

Todos os direitos reservados. Reprodução do material permitida mediante citação da fonte.