Anuncie Aqui

PIB DO NORDESTE. ECONOMIA DE FORTALEZA SUPERA A DE SALVADOR

Embora apresentem os maiores Produtos Internos Brutos entre os municípios nordestinos, as duas capitais têm um desempenho sofrível em termos de renda per capita, variável em que pontificam na rabeira do ranking das 27 capitais brasileiras.

prodetec-per-cap-for
Fortaleza: Praia de Iracema.

AGÊNCIA PRODETEC Ω [DEZ. 2016]

Rio de Janeiro – De acordo com dados do IBGE sobre o Produto Interno Bruto (PIB) dos municípios brasileiros, a economia de Fortaleza superou a de Salvador em 2014 em mais de 100 milhões de reais. Com isso, a capital cearense passou a ocupar a 11ª posição entre os maiores PIBs do país e o oitavo lugar entre as capitais, atrás de São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Belo Horizonte, Curitiba, Manaus e Porto Alegre.

O Produto Interno Bruto de Fortaleza somou R$ 56.729 milhões no final de 2014 ante R$ 56.624 milhões de Salvador. A capital baiana é a nona economia entre as capitais brasileiras e a décima segunda no conjunto dos municípios do país.
Esse montante se refere à geração de renda nos três principais segmentos econômicos (serviços, indústria e agropecuária) de cada município.

Perdas, ganhos e concentração

No conjunto dos municípios de capitais do Nordeste, Natal perdeu posição para Cuiabá e Teresina avançou sobre João Pessoa e Florianópolis.

Em termos gerais, a cidade de São Paulo continua disparada como o maior PIB (R$ 628 bilhões) do país, seguida de Rio de Janeiro (R$ 299,8 bilhões), Brasília (197,4 bilhões) e Belo Horizonte (R$ 87,6 bilhões).

Vale salientar que, em 2010, Fortaleza e Salvador tinham participação relativa idêntica (1%) no Produto Interno do Brasil, 0,1 ponto percentual acima do Recife. Em 2014, as três capitais nordestinas mantêm-se no mesmo patamar.

Um ponto que chama a atenção no estudo do IBGE diz respeito à concentração da economia dos estados nas capitais. No caso das três principais cidades do Nordeste a situação não difere muito do restante do país.

O PIB de Fortaleza representava, em 2010, 46,6% de toda a economia do Ceará, decrescendo para 45% quatro anos depois. No Recife, passou de 34,3% para 32,7% no mesmo intervalo enquanto em Salvador caiu de 26,4% para 25,3%. Esses três municípios respondiam, em 2014, por mais de um quinto do Produto Interno Bruto do Nordeste, com participações de 7,06%, 6,30% e 7,03%, respectivamente.

 PRODUTO INTERNO BRUTO (PIB) DAS CAPITAIS DO NORDESTE - 2014

MUNICÍPIOS EM ORDEM DE POSIÇÃO

VALOR EM R$ MIL

POSIÇÃO EM RELAÇÃO ÀS CAPITAIS

POSIÇÃO EM RELAÇÃO AO BRASIL

Fortaleza

56.728.828

11º

Salvador

56.624.041

12º

Recife

50.688.395

10º

14º

São Luís

26.326.087

13º

26º

Natal

19.076.030

17º

39º

Maceió

18.302.279

18º

40º

Teresina

17.762.266

19º

41º

João Pessoa

17.462.539

20º

44º

Aracaju

14.893.787

22º

56º

   Fonte: IBGE, em parceria com os estados.

PIB per capita

Com uma população da ordem de 1,6 milhão de habitantes, Recife foi a única capital do Nordeste a apresentar renda per capita (R$ 31.513.07) acima da média do país que, em 2014, foi de R$ 28 498,21. Mesmo assim, ficou em 712° lugar entre os municípios brasileiros, e muito longe da renda per capita registrada na capital federal (R$ 69 216,80) ou mesmo do modesto município baiano de Cairu, cuja renda per capital totalizou a bagatela de R$ 102 138,11, a maior do Nordeste.

A segunda melhor renda per capita entre as capitais nordestinas foi alcançada por São Luís (R$ 24.737,98), seguindo-se Aracaju (R$ 23.877,20), João Pessoa (22.366,71) e Natal (R$ 22.128,84).

A renda per capita de Fortaleza em 2014 alcançou R$ 22.057,20, ficando em 22ª colocação no rol das capitais brasileiras e sexta maior do Ceará. Abaixo desse patamar no Nordeste somente Teresina (R$ 21.130,46), Salvador (R$ 19.505,84) e Maceió (R$ 18.205,21).

MUNICIPIO

RENDA PER CAPITA – R$1,00

RANKING /CAPITAIS

RANKING/

ESTADO

RANKING

/NACIONAL

Recife

31.513,07

 12º

 5º

712º 

São Luís

 24 737,98

 15º

1 176º

Aracaju

 23 877,20

17º

10º

1 268º

João Pessoa

 22 366,71

 20º

 5º

 1 450º

Natal

22 128,84

21º

 9º

1 477º

Fortaleza

 22 057,20

 22º

1 487º

Teresina

 21 130,46

23º

1 607º

Salvador

19 505,84

 26º

 27º

1 815º

Maceió

 18 205,44

27º

2 008º

BRASIL

28 498,21

  ---

-----

----

Fonte: IBGE.

Voltar

 

A agência Prodetec é uma ferramenta voltada para divulgar artigos, estudos e pesquisas
sobre assuntos relacionados com o Nordeste

Imagine Comunicação Digital

Todos os direitos reservados. Reprodução do material permitida mediante citação da fonte.