Anuncie Aqui

NORDESTE. QUEDA NA INTENÇÃO DE CONSUMO SUPERA MÉDIA NACIONAL

Rio de Janeiro (Agência Prodetec) – De acordo com a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), a intenção de consumo das famílias do Nordeste em agosto ficou em 97,9 pontos contra 81,8 na média nacional. Em relação a julho, a queda foi de 5,9% em âmbito nacional e de 6,2% no Nordeste. Ante agosto de 2014 foi de 38,6% e 25,9%, respectivamente.

Pelo sétimo mês consecutivo, esses valores são os mais baixos desde a criação do índice, em 2010. A pesquisa da CNC tem caráter nacional, abrange 18 mil entrevistados e mede o grau de satisfação do consumidor ante a situação atual da economia.

A sondagem compreende aspectos como renda e emprego, intenção de compra de bens duráveis, perspectiva de consumo.

INDICADORES. INTENÇÃO DE CONSUMO.RANKING POR REGIÕES

REGIAO

AGOSTO.2015

VAR.% MENSAL

VAR.% ANUAL

Nordeste

97,9

-6,2

 -25,9

Norte

92,6

-2,7

-23,9

Centro-Oeste

88,3

-4,7

-26,2

Saul

85,2

-4,7

-33,4

Sudeste

70,2

--6,9

-38,6

Brasil

81,8

-5,9

-32,3

Renda e bens duráveis

No caso da renda, por exemplo, 32,1% dos entrevistados consideram o nível atual insatisfatório, sendo os nordestinos mais pessimistas em relação ao mês anterior, com queda de 6,1% ante -4,4% na média nacional, +1,1% no Sul, -4,6% no Centro-Oeste, -1,6% no Norte e -5,3% no Sudeste.

O mesmo pessimismo se revela no quesito compra de bens duráveis que registra a maior queda na comparação anual (- 49,5%) no país como um todo. No Nordeste, a queda alcançou 40% contra 46,9% no Sul, 38,3% no Centro-Oeste, 56,5% no Norte e 43% no sudeste. Em escala nacional, quase sete em cada dez entrevistados acham que o momento atual é desfavorável ao consumo de bens duráveis.

Para os técnicos da CNC "a combinação de queda no ritmo de atividade econômica e atual nível de inflação contribui para reduzir as chances de reversão desse quadro em médio prazo".

A expectativa deles é diante da deterioração das condições de consumo é de redução da ordem de 2,4% no volume de vendas do varejo restrito, este ano. Essa queda pode ser mais acentuada (-6,5%) quando incluídos também as atividades do comércio de material de construção e automóveis.

Postada em 15 Ago.2015.

Voltar

 

NO NORDESTE, PREÇOS DA CONSTRUÇÃO CIVIL POUCO VARIAM EM OUTUBRO

Agência Prodetec – Brasília – 01 dezembro 2017. O Índice Nacional da Construção Civil apurado pelo IBGE PI) em outubro apresentou...

PIB DO NORDESTE PERMANECE CONCENTRADO EM 4 ESTADOS

Agência Prodetec - Rio de Janeiro – 01 dezembro 2017. Dados das Contas Regionais relativas a 2015, divulgados pelo Instituto Brasileiro...

SALDO DE CRÉDITO DO NORDESTE CONTINUA A CAIR, EM OUTUBRO

Agência Prodetec – Brasília – 01 dezembro 2017. O saldo de empréstimos do sistema financeiro do Nordeste alcançou R$ 396 bilhões...

Estudos e Pesquisas

PIB DO NORDESTE CRESCE ENTRE 2002 E 2015, MAS PERMANECE DISTANTE DAS REGIÔES MAIS RICAS

Crescimento do PIB foi negativo em 2015 para todos os estados brasileiros, mas a participação do Nordeste no agregado nacional melhorou, de 13,9% para 14,2%, ainda muito longe da representatividade do Sudeste que responde por 54% do PIB do país. Agência Prodetec - Rio de Janeiro – 01 dezembro 2017. O estudo "Contas Regionais do Brasil 2002-2015" divulgado pelo IBGE mostra que...

ESTUDO MOSTRA CEARÁ E MARANHÃO COM A MELHOR SITUAÇÃO FISCAL DO PAÍS, EM 2016.

Uma análise realizada por pesquisadores cariocas indica que estados pobres como Ceará e Maranhão apresentam situação fiscal bem melhor que os chamados estados ricos, com desempenho superior em aspectos como dívida, despesa com pessoal, disponibilidade de caixa e investimentos. AGÊNCIA PRODETEC ΩΩ [ABRIL 2017] Rio de Janeiro – A situação fiscal da maioria dos estados do Nordeste é melhor que a apresentada...

Veja também

GOVERNO FEDERAL SE APROPRIA DE RECURSOS DO FNE PARA FINANCIAR BOLSAS DE ESTUDOS

A proposta para o próximo ano prevê aplicações no montante de R$ 23,9 bilhões e, além dos setores tradicionais, o...

EXPORTAÇÃO DE CAFÉ DO NORDESTE RECUOU EM 2017

Agência Prodetec - Rio de Janeiro – 01 dezembro 2017. De acordo com o Ministério do Desenvolvimento, Comercio Exterior e Serviços...

VALOR DA PRODUÇÃO AGROPECUÁRIA (VBP) DO NORDESTE CHEGA A R$ 42,4 BILHÕES EM 2016

Brasília (Agência Prodetec) - De acordo com Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), o Valor Bruto da Produção agropecuária...

A agência Prodetec é uma ferramenta voltada para divulgar artigos, estudos e pesquisas
sobre assuntos relacionados com o Nordeste

Imagine Comunicação Digital

Todos os direitos reservados. Reprodução do material permitida mediante citação da fonte.