Anuncie Aqui

AGRICULTURA. SAFRA DE GRÃOS DO NORDESTE SOFRE QUEDA NA NOVA PREVISÃO DO IBGE

Rio de Janeiro (Agência Prodetec) – Saiu hoje (11) a nova previsão de safra de grãos do IBGE. Pela primeira vez, ela vai ultrapassar os 200 milhões de toneladas para uma área de 57,7 milhões de hectares, com aumento de 8,1% e 2,1%, respectivamente, em relação ao desempenho de 2014, quando a safra totalizou 193,3 milhões de toneladas e área colhida de 56,5 milhões de hectares.

No Nordeste, esse total deve alcançar 17,8 milhões de toneladas e área colhida de 8,1 milhões de hectares. Relativamente à safra de 2014, prevê-se aumento de 13,1% na produção e de 5,3% na área. Na comparação com o levantamento anterior, de junho, houve uma ligeira redução de 0,4% para a área e de 1,4% na produção.

O volume de produção de cereais, leguminosas e oleaginosas apresentou a seguinte distribuição nas demais regiões do país: Centro-Oeste, 87,6 milhões de toneladas; Sul, 77,9 milhões de toneladas; Sudeste, 18,7 milhões de toneladas; e Norte, 7 milhões de toneladas. Conforme o IBGE, comparativamente à safra de 2014, houve incrementos de 18,7% na região Norte, de 4,5% no Sudeste, de 10,1% no Sul e de 5,5% no Centro-Oeste.

Soja na liderança

Tanto em âmbito nacional como regional, a soja lidera o espaço em termos de produção e área, seguida do milho. A safra global de soja deve alcançar 96,6 milhões de toneladas enquanto a do Nordeste é estimada em 8,3 milhões de toneladas.

A área da sojicultura ocupa 31,9 milhões de hectares no Brasil e 2,8 milhões no Nordeste, informa o levantamento do IBGE. No caso do milho, são 15,5 milhões de hectares para uma produção de 83,3 milhões de toneladas no país todo contra 2,6 milhões de hectares e 6,8 milhões de toneladas no Nordeste.

AGRICULTURA. PRINCIPAIS PRODUTOS EM AREA E PRODUÇAO.

PRODUTO

AREA BRASIL - Hectares

AREA NORDESTE - Hectares

PRODUÇAO BRASIL (Tonelada)

PROD. NORDESTE (Tonelada)

Soja

31 983 351

 2 851 890

96 666 669

8 371 226

Milho

15 513 187 

2 639 317

83 267 779

6.873. 989

Cana

9 695 774 

  1 116 004

703 204 083

65 645 873

Feijão

3.009.922

1.536.179

3 171 814

750.201

Arroz

2 289 022

  461 753

12. 689. 822

731 152

Café

1 972 694

174 461

2 650 426

226 496

Mandioca

1 566 984

592 432

23 666 266

5 903 388

Algodão

1 037 965 

368 045

2 448 977

813 284

Laranja

683 089

121 783

16 206 161

1 658 672

Cacau

640 403

498 879

259 873

141 110

Fonte: IBGE-lspa Jul.2015.

Concentração

De acordo com o IBGE, a produção de grãos do Nordeste continua muito concentrada. A soma de soja e milho representa 85% da estimativa da produção total (17,8 milhões de toneladas) de cereais, leguminosas e oleaginosas da região e 68% da área a ser colhida.

Em relação à safra de 2014, registra-se na previsão atual crescimento de 27,4% na produção de soja e de 2,6% na de milho. No que se refere à área, houve acréscimos de 10,5% no espaço ocupado pela soja e de 5,7% na de milho.

Entre as principais culturas de grãos da região Nordeste a principal variação foi observada na mamona, com aumento de 87,1% de área e de 138,3% na produção no comparativo com o ano anterior. Algodão em caroço (-1,3%), arroz (-12,7%) e feijão (-0,3) sofreram quedas em termos de área. No caso da produção, somente o arroz apresentou variação negativa (-13,6%).

PRODUÇÃO DE GRÃOS DO NORDESTE. PRINCIPAIS PRODUTOS

PRODUTO

ÁREA (HA) 2014

ÁREA (HÁ) 2015

VAR,(%)

PRODUÇÃO (T) ANO 2014

PRODUÇÃO (T) 2015 JUL.

VAR. (%)

Algodão

372 913

368 045

-1,3

781 838

 813 284

4,0

Arroz

528 663

461 753

-12,7

846 724

731 152

-13,6

Feijão

1.540 600

1 536 791 

-0,3

674 659

 750 201

11,2

Mamona

61 099

 114 332

 87,1

35 167

 83 802

 138,3

Milho

2.494 928

2 639 317

5,7

6.696.636

6 873 989

2,6

Soja

 2 580 708

 2 851890

10,5

6 570 802

 8 371 226

27,4

Fonte: IBGE-LSPA 2015. Elaboração Agência Prodetec.

O Levantamento Sistemático da Produção Agrícola (LSPA) do IBGE é uma pesquisa mensal de previsão e acompanhamento das safras dos principais produtos agrícolas do país: algodão em caroço, amendoim, arroz, aveia, batata-inglesa, cacau, café, cana-de-açúcar, cebola, cevada, feijão, laranja, mamona, mandioca, milho, soja, trigo, sorgo e triticale.

Postada em 11 ago.2015.

Voltar

 

NO NORDESTE, PREÇOS DA CONSTRUÇÃO CIVIL POUCO VARIAM EM OUTUBRO

Agência Prodetec – Brasília – 01 dezembro 2017. O Índice Nacional da Construção Civil apurado pelo IBGE PI) em outubro apresentou...

PIB DO NORDESTE PERMANECE CONCENTRADO EM 4 ESTADOS

Agência Prodetec - Rio de Janeiro – 01 dezembro 2017. Dados das Contas Regionais relativas a 2015, divulgados pelo Instituto Brasileiro...

SALDO DE CRÉDITO DO NORDESTE CONTINUA A CAIR, EM OUTUBRO

Agência Prodetec – Brasília – 01 dezembro 2017. O saldo de empréstimos do sistema financeiro do Nordeste alcançou R$ 396 bilhões...

Estudos e Pesquisas

PIB DO NORDESTE CRESCE ENTRE 2002 E 2015, MAS PERMANECE DISTANTE DAS REGIÔES MAIS RICAS

Crescimento do PIB foi negativo em 2015 para todos os estados brasileiros, mas a participação do Nordeste no agregado nacional melhorou, de 13,9% para 14,2%, ainda muito longe da representatividade do Sudeste que responde por 54% do PIB do país. Agência Prodetec - Rio de Janeiro – 01 dezembro 2017. O estudo "Contas Regionais do Brasil 2002-2015" divulgado pelo IBGE mostra que...

ESTUDO MOSTRA CEARÁ E MARANHÃO COM A MELHOR SITUAÇÃO FISCAL DO PAÍS, EM 2016.

Uma análise realizada por pesquisadores cariocas indica que estados pobres como Ceará e Maranhão apresentam situação fiscal bem melhor que os chamados estados ricos, com desempenho superior em aspectos como dívida, despesa com pessoal, disponibilidade de caixa e investimentos. AGÊNCIA PRODETEC ΩΩ [ABRIL 2017] Rio de Janeiro – A situação fiscal da maioria dos estados do Nordeste é melhor que a apresentada...

Veja também

GOVERNO FEDERAL SE APROPRIA DE RECURSOS DO FNE PARA FINANCIAR BOLSAS DE ESTUDOS

A proposta para o próximo ano prevê aplicações no montante de R$ 23,9 bilhões e, além dos setores tradicionais, o...

EXPORTAÇÃO DE CAFÉ DO NORDESTE RECUOU EM 2017

Agência Prodetec - Rio de Janeiro – 01 dezembro 2017. De acordo com o Ministério do Desenvolvimento, Comercio Exterior e Serviços...

VALOR DA PRODUÇÃO AGROPECUÁRIA (VBP) DO NORDESTE CHEGA A R$ 42,4 BILHÕES EM 2016

Brasília (Agência Prodetec) - De acordo com Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), o Valor Bruto da Produção agropecuária...

A agência Prodetec é uma ferramenta voltada para divulgar artigos, estudos e pesquisas
sobre assuntos relacionados com o Nordeste

Imagine Comunicação Digital

Todos os direitos reservados. Reprodução do material permitida mediante citação da fonte.