Anuncie Aqui

NORDESTE. SOBRAL DESBANCA FORTALEZA COMO PRINCIPAL POLO DE EXPORTAÇÃO DO CEARÁ

Fortaleza, 01 Março 2016 (Agência Prodetec) – Localizado a 250 km da capital, na zona Norte do Estado, o município de Sobral assumiu a liderança como o maior polo exportador do Ceará, desbancando a capital. As vendas sobralenses no mercado internacional totalizaram US$ 184,4 milhões no ano passado ante US$ 208,4 milhões, em 2014, queda de 11,5%.

No mesmo período, as exportações de Fortaleza decresceram de forma substancial, de US$ 548,6 milhões para US$ 178,8 milhões, uma queda de dois terços entre 2014 e 2015. Mas, de acordo com o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), a corrente de comércio (exportação+importação) permanece amplamente favorável ao município de Fortaleza, totalizando US$ 792,9 milhões, ante US$ 216,8 milhões de Sobral.

Pelos dados do MDIC, apenas metade dos 16 municípios cearenses com exportações acima de US$ 10 milhões registraram acréscimo em seus negócios, em 2015, na comparação com o ano anterior. Nesse grupo formaram Icapuí, Maracanaú, Eusébio, Caucaia, Aquiraz, Itapipoca, Ubajara, Russas e Pacajus. O destaque principal foi o município de Itapipoca, cujo movimento aumentou 125%, de US$ 10,6 milhões para US$ 24 milhões. Em Russas, o crescimento foi de 47%.

Na outra ponta, além de Sobral e Fortaleza, os municípios de Cascavel, Uruburetama, Aracati, Itarema e Paraipaba também registraram redução no volume de vendas externas.

Dos 184 municípios cearenses somente 41 exportaram alguma coisa em 2015, quatro a mais que no ano anterior.

Calçados

Conforme o MDIC, o sucesso sobralense está largamente associado às vendas de sua indústria calçadista no mercado internacional. A cidade é um dos maiores polos de fabricação de calçados do Brasil, sob a liderança do grupo Grendene. O setor coureiro calçadista também influenciou bastante os negócios realizados por outros municípios cearenses, caso, por exemplo, de Cascavel, Uruburetama e Itapipoca.

No caso de Fortaleza, pesou na desaceleração a diminuição dos negócios com combustíveis e óleos minerais.

Uma particularidade no comercio exterior cearense é o município de São Gonçalo do Amarante, com importações superiores a US$ 1 bilhão e 55 milhões no ano passado e exportações de apenas 1,3 milhão. O movimento ocorre em virtude da instalação de uma siderúrgica no município, com funcionamento previsto até o próximo ano.

MUNICIPIOS CEARENSES COM VENDAS ACIMA DE US$ 10 MILHÕES, EM 2015.

MUNICIPIO

EXPORTAÇÃO 2015

IMPORTAÇÃO 2015

SALDO

CORRENTE DE COMERCIO

EXPORTAÇÃO 2014

1. Sobral

184.470.942

32.328.995

152.141.947

216.799.937

208.452.338

Fortaleza

178.888.036

614.031.214

-435.143.178

792.919.250

548.677.837

Cascavel

134.448.048

12.243.908

122.204.140

146.691.956

193.893.868

Icapuí

110.630.461

25.211.736

85.418.725

135.842.197

106.161.829

Maracanaú

98.568.741

272.114.742

-173.546.001

370.683.483

82.825.819

Eusébio

66.445.317

30.282.992

36.162.325

96.728.309

48.647.606

Uruburetama

62.545.328

3.219.922

59.325.406

65.765.250

67.226.610

Caucaia

50.336.912

309.884.211

-259.547.299

360.221.123

46.974.415

Aquiraz

24.944.429

51.884.152

-26.939.723

76.828.581

18..149.631

10. Itapipoca

24.002.653

10.479.968

13.522.685

34.482.621

10.647.759

Aracati

22.282.355

4.370.278

17.912.077

26.652.633

23.997.871

Itarema

20.406.994

7.763.996

12.642.998

28.170.990

24.029.648

Ubajara

19.585.945

634.381

18.951.564

20.220.326

18.627.525

Paraipaba

18.306.381

332.136

17.974.245

18.638.517

25.067.442

Russas

13.761.570

6.444.428

7.317.142

20.205.998

9.366.548

16. Pacajus

12.211.716

11.209.348

1.002.368

23.421.064

10.705.545

  Fonte: MDIC. 

Voltar

 

A agência Prodetec é uma ferramenta voltada para divulgar artigos, estudos e pesquisas
sobre assuntos relacionados com o Nordeste

Imagine Comunicação Digital

Todos os direitos reservados. Reprodução do material permitida mediante citação da fonte.