Anuncie Aqui

QUEDA ACENTUADA NO DÉFICIT DA BALANÇA COMERCIAL DO NORDESTE

Brasília, 04 Jan.2017 (Agência Prodetec) – A balança comercial do Nordeste apresentou déficit de US$ 4 bilhões e 726 milhões em 2016, o menor dos últimos cinco anos. Esse comportamento foi consequência da redução ocorrida no nível das importações regionais, as quais estão ladeira abaixo desde 2012.

De acordo com dados divulgados pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), as vendas do Nordeste no ano passado totalizaram US$ 12,8 bilhões, com queda de 12,5% em relação a 2015, quando alcançaram US$ 14,5 bilhões.

Na mesma base de comparação, as importações nordestinas atingiram US$ 17,5 bilhões, 18,1% abaixo do patamar de 2015 (US$ 21,4 bilhões).

Vale salientar que o déficit da balança comercial nordestina, em 2016, no montante de US$ 4,7 bilhões, representou pouco mais de um terço do saldo negativo histórico de US$ 12,8 bilhões verificado em 2014.

NORDESTE. SALDO DA BALANÇA COMERCIAL 2012/2016.

ANO

EXPORTAÇÃO – US$ 1,00

VAR.(%)

IMPORTAÇÃO – US$ 1,00

VAR. (%)

SALDO – US$ 1,00

2012

                18.773.212.742

-0,38

                26.006.587.286

7,77

-7.233.374.544

2013

                17.270.151.753

-8,01

                27.739.974.325

6,67

-10.469.822.572

2014

                15.914.071.507

-7,85

                28.712.707.097

3,51

-12.798.635.590

2015

                14.655.435.699

-7,91

                21.426.982.272

-25,37

-6.771.546.573

2016

                12.813.680.918

-12,57

                17.539.670.901

-18,14

-4.725.989.983

Fonte: MDIC.

Campeões negativos

Em termos de contas, dois setores, em particular, contribuíram de forma significativa para o déficit da balança comercial do Nordeste. O segmento de bens de capital registrou exportações da ordem de US$ 360,4 milhões enquanto as importações somaram US$ 4.255 milhões.

Contudo, o setor de combustíveis e lubrificantes foi o que gerou mais saldo negativo para a balança comercial do Nordeste, o equivalente a US$ 4,2 bilhões. As compras do Nordeste nesse segmento totalizaram US$ 5.051 milhões enquanto as vendas externas somaram apenas 831,2 milhões.

A tabela abaixo detalha a movimentação ocorrida nas duas contas (bens de capital/combustíveis e lubrificantes) ao longo de 2016.

DESCRIÇÃO

EXPORTAÇÃO EM US$ MIL

IMPORTAÇÃO EM US$ MIL

SALDO EM US$ MIL

Bens de capital

360.423

            4.255.024

 

-3.895.601

Combustíveis e lubrificantes

831.294.615

         5.051.089.716

 

-4.219.795

Voltar

 

A agência Prodetec é uma ferramenta voltada para divulgar artigos, estudos e pesquisas
sobre assuntos relacionados com o Nordeste

Imagine Comunicação Digital

Todos os direitos reservados. Reprodução do material permitida mediante citação da fonte.